Início » Rede Nacional de Identificação e Localização de Crianças e Adolescentes Desaparecidos

Rede Nacional de Identificação e Localização de Crianças e Adolescentes Desaparecidos

  • O Curso de Capacitação dos Atores Estratégicos da ReDESAP percorreu em 2011 sete estados brasileiros e atuou no setindo de fortalecer ações de enfrentamento e unificar esforços de combate ao fenômeno do desaparecimento em todo o país

  • "Os questionamentos levantados trouxeram uma visão mais ampla sobre o trabalho preventivo e de busca, uma vez identificados os instrumentos e órgãos disponíveis para garantir eficiência dos esforços."
    Viviane Nascimbém
    Juizado da Infância e da Juventude de Manaus (AM)


PROMOÇÃO DA CIDADANIA

A Rede Nacional de Identificação e Localização de Crianças e Adolescentes Desaparecidos (ReDESAP) é uma ação de enfrentamento do fenômeno do desaparecimento no Brasil. Os objetivos da Rede são:

  • Criar um cadastro unificado de dados e casos notificados
  • Articular serviços especializados de atendimento público
  • Promover o compartilhamento de informações sobre o fenómeno entre os diversos atores da Rede
  • Coordenar um esforço coletivo em âmbito nacional

Implantada em 2002 pela Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República (SDH/PR), por meio da Secretaria Nacional de Promoção dos Direitos da Criança e do Adolescente (SPDCA) e do suporte tecnológico do Ministério da Justiça (MJ), a ReDESAP conta ainda com a parceria das Polícias Federal e Rodoviária Federal. A articulação do projeto é feita pelo Instituto Internacional para o Desenvolvimento da Cidadania (IIDAC) na execução de iniciativas que visam conhecer a relação e fomentar o diálogo entre órgãos públicos, entidades vinculadas à rede e sociedade civil organizada, a fim de que seja constituído um protocolo de ações integradas entre as 27 unidades federativas do país.

A ReDESAP atua em todos os estados brasileiros, com especial atenção às áreas de maior vulnerabilidade, como fronteiras, rodovias e aeroportos

Visto como um problema de direitos humanos, o desaparecimento de crianças e adolescentes – cercado por pluralidade, imprecisão e dinamismo – requer o envolvimento multilateral de agentes em todo o país, o que evidencia a grandeza do desafio em articular meios que fortaleçam a comunicação integrada dentro do Sistema de Garantia de Direitos (SGD)

No Brasil, os casos mais comuns de crianças e adolescentes desaparecidos estão relacionados a conflitos familiares e à exploração sexual. A realidade motiva a intensificação das ações desenvolvidas pelo IIDAC e os parceiros da ReDESAP.


Parceiros estratégicos:



Instituto Internacional para o
Desenvolvimento da Cidadania

  • Brazil
  • USA
Copyright © 1998 - 2017 IIDAC. All rights reserved